PUBLICIDADE

Colunistas


Fatos 10.05.2018

Quinta-Feira, 10/05/2018 às 06:00, por Zulmara Izabel Colussi

Tristeza, tristeza...
Cartel desviou mais de R$ 1,6 bi da merenda escolar de municípios de São Paulo Cada vez que a gente recebe uma informação destas é como se levássemos uma bofetada na cara e um soco no peito. Investigação da Polícia Federal e da Controladoria-Geral da União descobriu que alunos de 30 municípios paulistas receberam merenda de qualidade inferior, devido ao cartel de empresas que atuava, há pelo menos, 20 anos no desvio de dinheiro público. Segundo a PF, os recursos eram desviados do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae), do governo federal. Há casos em outros Estados. E aí estão envolvidos políticos, empresários e cidadãos até então acima de qualquer suspeita. Que tristeza! Está cada vez mais difícil dar a volta.


Pressão
O ex-governador Germano Rigotto mantém articulações para garantir vaga como candidato ao Senado. Neste sábado, estará em David Canabarro, para um encontro com partidários, pela manhã. Se depender de prefeitos e vereadores do partido no Interior do Estado, Rigotto será, sim, candidato ao Senado. É o que o ex-governador também quer. Pressionado pela base, o PMDB está numa sinuca de bico, porque precisa da vaga para compor com outros partidos.


Mobilização
O prefeito Luciano Azevedo foi um dos articuladores do encontro de prefeitos e vice-prefeitos do PSB, em Porto Alegre, para manifestar apoio oficial a pré-candidatura de Beto Albuquerque ao Senado. A mobilização da base é essencial para a disputa interna que Beto vai travar com o recém chegado no partido, José Fortunati (ex-PT e ex-PDT).

 

Obra
O trecho de 15 Km da ERS 324, entre o trevo de Camargo até o município de Marau, sofreu readequação no projeto e a obra será realizada depois que a restauração da pista entre Marau e Passo Fundo for concluída. Informação do deputado estadual Vilmar Zanchin, PMDB, que acompanha muito de perto o projeto.


Comitê
O PCdoB lança nesta sexta-feira (11), na Câmara de Vereadores, o comitê passo-fundense em apoio à pré-candidatura de Manuela D ´Ávila à Presidência da República. O evento inicia às 18h com lideranças locais. A ação política é local, mas a pré-candidata deverá estar na cidade nos próximos dias, depois de acertar a agenda com a coordenação de campanha.




Fatos 09.05.2018

Quarta-Feira, 09/05/2018 às 06:00, por Zulmara Izabel Colussi

Decisão

Acostumado a decisões monocráticas, que dependem apenas da interpretação pessoal diante de fatos e provas de um processo, o ex-presidente do STF Joaquim Barbosa declinou da possibilidade de concorrer à Presidência da República. O comunicado foi feito ontem de forma direta e discreta, pelo Twitter. Alegou questões pessoais. O PSB foi surpreendido com a decisão e se viu frustrado diante da esperança que tinha em retornar ao cenário com um nome com potencial eleitoral. Pelo menos era o que indicavam as pesquisas mais recentes. Agora, o partido está dividido entre a possibilidade de lançar outro nome ou apoiar candidaturas já postas como Ciro Gomes, PDT, Marina Silva, Rede, e Geraldo Alckmin, PSDB. Este último estaria fora da lista se for levado em consideração que um congresso do partido aprovou apoio a candidaturas de centro-esquerda. O prefeito de Passo Fundo, Luciano Azevedo, pertence ao grupo que apoiaria Alckmin.

Senado

Ao Broadcast do Estadão, Beto Albuquerque reafirmou que será candidato ao Senado, reforçando que não se colocará novamente à disposição do partido para a tarefa. "Eu já fiz meu sacrifício em 2014. Sou candidato ao Senado e não abrirei mão. Mas é essencial que algum colega se coloque. Qualquer nome bem preparado tem condições de cumprir esse papel." Beto disse que uma saída, seria um nome do PSB de Pernambuco se apresentar para a disputa, para que a legenda possa capitalizar o legado de Eduardo Campos e Miguel Arraes no Estado.

Consórcio

Quando a água bate a gente aprende a nadar. Pois os municípios gaúchos foram em busca de alternativas para enfrentar a crise e criaram um consórcio habilitado a fazer compras de grande porte. O consórcio já tem a adesão de 34 prefeituras e beneficiará um milhão de pessoas. Outros 279 municípios manifestaram a intenção de aderir à ferramenta e apenas aguardam a votação nas Câmaras de Vereadores do projeto de lei que ratifica o protocolo de intenções.

Case de sucesso

A iniciativa está atraindo a atenção também de gestores municipais de outros Estados. O case do Consórcio Estadual Famurs será apresentado no próximo dia 23, às 16h, na Capital Federal, durante a programação da XXI Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios. Na ocasião, o presidente Salmo Dias de Oliveira, será um dos coordenadores da arena de debates com a temática “Consórcios e Contabilidade”.

Reitoria

Até o fechamento desta coluna, duas chapas estavam inscritas para disputar as eleições da UPF. Uma delas encabeçada pela atual vice-reitora de Extensão Bernadete Dalmolin, e a outra pelo atual vice-reitor Administrativo, Agenor de Meira Junior. A homologação deve ocorrer nesta quarta-feira.

 

 

 

 




Fatos 08.05.2018

Terça-Feira, 08/05/2018 às 06:00, por Zulmara Izabel Colussi

Havan

A proposta formalizada ontem pela Havan aos comerciários, para viabilizar a instalação em Passo Fundo, não é de se jogar fora. Avança em muitos pontos: oferece 110% de hora extra, vale-alimentação e um piso um pouco maior. A novidade é a oferta de participação nos lucros com o pagamento de um salário a mais no ano, sendo 50% em junho e 50% junto com o 13º. Isso em troca de manter os três feriados desejados pela empresa, para se instalar na cidade: Natal, Ano Novo e Dia do Trabalhador. A Havan, que negocia também em Caxias do Sul, quer se instalar em Passo Fundo e já manifestou interesse por Santa Maria. O documento que agora será examinado pelo Sindicato, foi entregue pelo representante jurídico da empresa, José Mello de Freitas ao dirigente Tarciel da Silva.

Lei seca

No programa Sem Segredo da Rádio Uirapuru, no sábado, que voltou a tratar da perturbação do sossego público e da eficácia da lei municipal que proíbe consumo de bebidas em locais públicos, o Ten. Cel. Volnei Ceolin fez uma ponderação arejada. A ação de fiscalização deveria ser o último recurso, porque se a lei foi criada obedecendo todas as instâncias necessárias, cabe somente ao cidadão cumprir esta lei e não enfrentá-la. O descumprimento de leis no Brasil passa por uma questão cultural e educacional. Na verdade, os brasileiros vivem um paradoxo: cobram leis rígidas para um monte de coisas, mas na hora de cumprí-las, preferem a arbitrariedade. Vai entender!

Rigotto ao Senado

Ganha força dentro do PMDB gaúcho a tese de o partido indicar pelo menos uma das vagas ao Senado Federal na chapa majoritária para as eleições 2018. Durante encontros regionais do PMDB em Santana do Livramento e Rosário do Sul, Fronteiras Sudoeste e Oeste, respectivamente, a Associação de Vereadores e a Fundação Ulysses Guimarães (FUG-RS) lançaram a pré-candidatura do ex-governador Germano Rigotto para a disputa ao Senado.

Moeda de troca

O PMDB, no entanto, precisa de alianças com outros partidos, como o PSB, que ainda está no páreo com Beto Albuquerque. Por isso, o presidente do partido, Alceu Moreira tem dito que, oficialmente, a legenda está em tratativas com possíveis aliados para compor uma chapa representativa para a reeleição de Sartori, portanto, observou que não pode antecipar o debate. Em contrapartida, destacou que os movimentos partidários têm total liberdade para sugerir nomes para a vaga e, evidenciou, que a indicação de Rigotto ocorre em boa hora. 

 




Fatos 05.05.2018

Sábado, 05/05/2018 às 06:00, por Zulmara Izabel Colussi

Manitowoc quer indenização
Uma perícia na área onde estava instalada a Manitowoc pode determinar uma indenização milionária contra o município de Passo Fundo. A perícia foi solicitava pela empresa na ação civil pública movida pelo vereador Patric Cavalcanti, DEM, através de seu advogado Alcindo Roque. A Manotiwoc quer provar os investimentos feitos no local desde que a área foi doada pelo município (2011) até ela suspender as operações em janeiro de 2016. A empresa alega ter investido mais de R$ 100 milhões. Esta semana, a Justiça expediu o alvará para que o perito nomeado possa sacar parte do valor que vai cobrir os custos para realizar a perícia. A empresa pede que “se acaso a decisão for de reconhecer que o imóvel deva voltar para o patrimônio do município (como requer a ação do vereador) que seja reconhecido que ela não teve culpa, ou seja, que a conjuntura econômica obrigou a parar a produção e que, não sendo culpa da empresa, deve ser indenizada. Os autores da ação tentaram retirar do processo a perícia, alegando a necessidade de agilização na tramitação, o que foi negado pela Justiça.


Caminhos
Os caminhos jurídicos são vários, entre eles: a Justiça pode entender que a área deve retornar ao município e não cabe indenização; a Justiça pode entender que a área retorne ao município e que a empresa, por conta dos investimentos feitos, deve ser indenizada, estabelecendo um valor, que pode significar um prejuízo aos cofres públicos. Como estamos ainda no âmbito da primeira instância, a possibilidade de recursos das partes envolvidas são muitas. Sem um acordo que envolva o Judiciário, podemos falar numa ação que vai se arrastar por muitos anos.

 

Homenagem
O empresário Antônio Rosso vai receber a Medalha Mérito Farroupilha, no dia 16 de maio, às 17h30, no Salão Júlio de Castilhos da Assembleia Legislativa. A proposição aprovada pelo Parlamento é do deputado Vilmar Zanchin, MDB.


Balanço Geral
O deputado Juliano Roso, PCdoB, tem assumido com frequência a presidência da Assembleia. Nesta semana, ao substituir Marlon Santos, PDT, encaminhou o Balanço Geral do Estado 2017 para o Tribunal de Contas do Estado (TCE). O Balanço foi entregue em abril pelo secretário da Fazenda, Luiz Antônio Bins e pela equipe da Cage e contém informações sobre o exercício financeiro das contas públicas estaduais.


Folclore
O Festival Internacional de Folclore será realizado de 17 a 25 de agosto deste ano. Mas, para que a maior festa do folclore mundial saia dentro do previsto, a comissão organizadora corre para captar recursos. Até agora 50% do valor de R$ 1,2 milhão já está assegurado. O restante vai depender do gestão de empresas e pessoas físicas. Tudo pela lei Rouanet.




Fatos 04.05.2018

Sexta-Feira, 04/05/2018 às 06:00, por Zulmara Izabel Colussi

Injustiça

O PSB cometerá uma injustiça histórica se optar por José Fortunati como candidato ao Senado em detrimento de Beto Albuquerque. A disputa interna se deu depois do ingresso do ex-prefeito de Porto Alegre na legenda. “O partido não pode virar as costas ao principal protagonista da sua história”, desabafou um socialista, que se diz indignado e desiludido com os rumos ditados pelos atuais dirigentes. O diretório estadual cancelou a reunião que deveria acontecer no sábado, 5, e que definiria o candidato ao Senado. Em nota, disse que “é necessária uma definição maior da conjuntura política e eleitoral Nacional com a possibilidade concreta de candidatura própria através do ex-presidente do STF, Joaquim Barbosa. Também alega indefinições nas coligações majoritárias para a disputa ao governo do Estado. É que o PSB demonstra inclinação para apoiar Sartori, mas negocia vaga ao Senado. O PMDB, no entanto, tem indicado o ex-governador Germano Rigotto para a disputa.

Comissão

O vereador Patric Cavalcanti, DEM, quer reativar a Comissão Especial para tratar da duplicação e reestruturação da BR 285, no trecho do perímetro urbano. A proposta, protocolada ontem, passa agora por comissões e depois segue ao plenário. A Comissão vai reforçar a atuação da Frente Parlamentar da AL, conduzida pelo deputado Gilberto Capoani, MDB. A tarefa é unir forças para viabilizar recursos no orçamento de 2019 para a realização do projeto de duplicação da rodovia.

Força política

“O processo agora é político”, disse Patric, ao justificar a reativação da comissão. No próximo dia 23, o vereador e o deputado estarão em Brasília para uma audiência com o ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha. Eles buscarão a interferência do gaúcho para que o Dnit consiga colocar como prioridade no orçamento do próximo ano, recursos para a elaboração do projeto da duplicação da BR 285, no valor de R$ 1,7 milhão. Se isso for viabilizado, o Dnit terá um ano para apresentar o projeto e depois disso, começa uma nova luta para conseguir os recursos para a obra.

Aeroporto

A Secretaria dos Transportes encaminha para a Procuradoria Geral do Estado, até o dia 10 de maio, o edital para a obra do Aeroporto Lauro Kortz. Com parecer jurídico, ele segue para a Cage e poderá ser publicado até o fim do mês. A expectativa é do deputado Capoani, que está acompanhando o processo bem de perto.  

 

 




PUBLICIDADE


PUBLICIDADE