Cultura

Publicada em: 25/05/2013 - 08:00

A A A

O Gigante Egoísta

Uma lição de vida, de fraternidade, de amor à natureza e às crianças

Créditos: Divulgação
O Gigante Egoísta
Com a direção de Edson Bueno, o espetáculo é estrelado por Elisandra Assunção e Márcio Meneghell.

O novo espetáculo do Núcleo Rindo à Toa promete ser, mais que uma comédia ou um espetáculo infantil, uma lição. Para chegar a esse resultado o Núcleo usou personagens que representam a natureza e as crianças e os colocou, em palco, como símbolos de vida.                              

Inspirados em Oscar Wilde, escritor inglês, o Núcleo se utiliza de um de seus contos para retratar a espontaneidade infantil e a fluidez da natureza. Entre tantas fábulas que Wilde escreveu, O Gigante Egoísta se destaca pela singeleza e pelo caráter emocionante. A história é o retrato de um gigante dono de um jardim bonito que, por ser extremamente egoísta, impede que as crianças brinquem no seu espaço. O enredo é uma brecha para que Wilde tocasse em tema como partilha, solidariedade e companheirismo.

 Ainda que o espetáculo seja direcionado ao público infantil, as lições, destacam o grupo, servem, também, para adultos. Inteligência, sensibilidade e emoção são e estão presentes em palco. Imaginação e fantasia são os elementos responsáveis por prender olhares e atenção de quem opta por assistir a nova proposta do Núcleo Rindo à Toa.

 A emoção fica por conta do enfoque no amor como a resposta para qualquer questão. A mensagem que busca-se passar é que para ser amado - criança ou adulto – deve-se aprender a amar. Amar, destaca o grupo, não só as pessoas, mas também a natureza e tudo o que rodeia cada um. Entre lições que relembram valores e princípios, o Núcleo consegue, também, divertir.

 Com a direção de Edson Bueno, é uma viagem ao mundo encantado da imaginação e das histórias contadas com carinho e fantasia. Em palco, dois Contadores de Histórias, saltando das páginas dos livros infantis para encantar as crianças com palavras e imagens que ilustram as aventuras escritas por Oscar Wilde.

Educação e arte são a matéria prima para a transformação da literatura em teatro, caminhando com as crianças para uma belíssima história de amor e humanidade que poderá ser conferida hoje e amanhã, no Teatro do Sesc, às 16h. Ingressos no local.

 

Grupo ON Comunicação
Acompanhe aqui as notícias mais recentes sobre política, economia, esportes, moda, cultura, blogs de Passo Fundo e Região.