PUBLICIDADE

Esporte


A gente para, torce, trabalha e até chora

Publicada em: 07/07/2018 - 08:00, por Luiz Carlos Schneider

Lojas vazias, praça de alimentação e bares lotados

A gente para, torce, trabalha e até chora

Crédito: LC Schneider-ON

A Copa paralisa boa parte do mundo. E quando a Seleção Brasileira entra em campo o jogo transforma-se em evento. A torcida é grande e, independente do resultado ou mesmo da cor do canário, a tarde de sexta-feira foi do futebol. A praça de alimentação do Bella Città Shopping lotou para assistir ao jogo do Brasil. A euforia diminuiu quando a Bélgica marcou o segundo gol, mas o público não desanimou. Aos seis anos, Francisco Emerin ficou triste. Aluno do Conceição, disse na hora “acho que vai virar”. O movimento na Praça de Alimentação é grande em dias de jogos, segundo o gerente do Sahib, Eliseu Provenci, que vendeu 50 litros de chope. A turma também estava animada no Quina, na Independência, onde quem não conseguiu entrar assistiu de um reservado externo. Também um bom público assistiu no Maktüb, Léo Shop, Boka, Oásis, Claudião, Krep´s, Borga e outros pontos centrais.

 

Cinema, lojas e poste
A Copa tirou de cena o público no cinema do Bella. Carla Lobo, que estava no balcão, disse que na sessão das 14 horas entraram apenas 15 pessoas. E para a das 16 apenas dois ingressos estavam vendidos. Na loja Youcom nenhum cliente. “Para nós é péssimo, impacta bastante no movimento”, explicou a gerente Surian Ribeiro. Na Morana, que trabalha com acessórios femininos, a gerente Aline Fontanive disse que “está paradinho”, enquanto a equipe aproveitava para montar embalagens dobráveis. Ademir de Souza Santos, da Don Juan, contou que a loja faz promoção em dias de jogos. Já o pessoal da EBT, empresa de telecomunicações, literalmente estava no poste durante a partida. João Batista Camargo acompanhava pelo rádio. “Sem ver é diferente. Mas, pelo jeito, não estamos perdendo muita coisa”. E ele tinha razão. Pois quem acabou perdendo foi o Brasil.

Imagens Relacionadas

Clique nas imagens para ampliá-las.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE



PUBLICIDADE