PUBLICIDADE

Estado


Repasses a hospitais e prefeituras estão mantidos apesar de paralisação parcial

Publicada em: 01/12/2019 - 15:47

Se o número de servidores for insuficiente para manter o mínimo de 30% do atendimento, a secretária sugeriu que se faça rodízio entre os servidores que não aderiram à paralisação

Repasses a hospitais e prefeituras estão mantidos apesar de paralisação parcial

Crédito: Divulgação/Agência Brasil

A Secretaria da Saúde (SES) informa que a paralisação de alguns servidores da pasta não afetará o repasse de recursos do Estado para os municípios e hospitais.

"Os pagamentos estão garantidos e não haverá atraso nos repasses, que serão feitos na data prevista, conforme calendário preestabelecido", afirma a secretária da Saúde, Arita Bergmann.

Sobre o atendimento à população no interior, na quarta-feira (27/11) a secretária reuniu todos os coordenadores regionais de saúde para orientar sobre a manutenção de, ao menos, 30% dos serviços de atendimento à população.

Arita orientou ainda que as coordenadorias devem garantir a prestação de serviços essenciais, como entrega de medicamentos, entrega de vacinas e fazer a regulação de consultas, entre outras demandas.

Se o número de servidores for insuficiente para manter o mínimo de 30% do atendimento, a secretária sugeriu que se faça rodízio entre os servidores que não aderiram à paralisação.

 

PUBLICIDADE



PUBLICIDADE