PUBLICIDADE

Cidade


Polônia integra programação

Publicada em: 09/08/2018 - 10:30

Grupo folclórico “Mali Gorzowiacy” deve participar de pelo menos 12 atividades ligadas ao XIV Festival Internacional de Folclore de Passo Fundo

Polônia integra programação

Jovens apresentarão ao público trajes, músicas, danças e dialetos tradicionais na Polônia

Crédito: Divulgação

Formado por jovens poloneses da região de Gorzów Wielkopolski, o grupo folclórico “Mali Gorzowiacy” vem ao Brasil pela primeira vez em agosto deste ano, a fim de compartilhar um pouco da cultura polonesa com o público presente no XIV Festival Internacional de Folclore de Passo Fundo. O grupo está confirmado para participar de 12 atividades que acontecem em diferentes pontos da cidade, como parte da programação oficial do evento, disponível no site oficial (festivalpf.com.br).


O festival acontece de 17 a 25 de agosto e conta com a participação de 72 grupos: 12 grupos internacionais, 59 grupos gaúchos e três grupos de outros estados brasileiros. O festival é realizado pela Prefeitura de Passo Fundo e a Associação de Organizações de Festivais Folclóricos (AOFFERS). Os ingressos para as atrações pagas começam a ser vendidos nesta segunda-feira (13), no Parque da Gare, e os valores variam entre R$ 15 e R$ 20. Estudantes e pessoas acima de 60 anos têm direito a meia-entrada, mediante apresentação de documento que comprove a condição.


Grupo Folclórico “Mali Gorzowiacy”
O Grupo Folclórico “Mali Gorzowiacy” foi fundado no Centro Comunitário da Juventude em Gorzów Wielkopolski em 1981. Cerca de 160 pessoas formam o grupo, sendo crianças e jovens com idades entre cinco e 22 anos, vindos das escolas locais. Para a apresentação que acontece em Passo Fundo, o grupo que chega ao Rio Grande do Sul na próxima semana consiste em membros com idade de 16 a 22 anos.


Gorzów Wlkp, a cidade polonesa onde nasceu o grupo, foi habitada depois da segunda guerra mundial por poloneses de diferentes partes do país. É por isso que o “Mali Gorzowiacy” apresenta o folclore dessas regiões, incluindo seus elementos característicos, como danças, música, trajes, dialetos e composições instrumentais dos músicos que acompanham o grupo, além de apresentar danças nacionais polonesas que têm lugar especial na história do país. Essas danças começaram a existir durante a divisão da Polônia no século 19 e se tornaram o símbolo da independência cultural e do espírito nacional poloneses. Ambas as formas da música e da dança são muito desenvolvidas e formam integridade inseparável.


Os líderes de “Mali Gorzowiacy”, enquanto preparam o programa artístico, procuram adaptá-lo com a idade e habilidades de apresentação dos membros. Eles trabalham para desenvolver o interesse da juventude em música e dança e para aperfeiçoar seus conhecimentos de diferentes regiões folclóricas da Polônia. Uma das metas é apresentar danças folclóricas e músicas polonesas no palco e isso é alcançado através de técnicas apropriadas e ênfase apropriada nas dinâmicas, nos arranjos coreográficos, assim como através dos sons da banda folclórica que os acompanha. A banda é, inclusive, uma parte muito importante do grupo. Os principais instrumentos usados pelos músicos são o primeiro violino, o segundo violino, a clarineta, o trompete, o contrabaixo e o acordeon – adicionado nas bandas de folclore polonesas depois da segunda guerra mundial.


Para ser mais atrativo ao público, são adotadas metodologias apropriadas entre elementos sucessivos de dança, música, apresentações de grupo, duo ou solo. Os trajes folclóricos apresentados pelo grupo são geralmente trajes festivos, adornados e elegantes, que diferem consideravelmente das roupas do dia-a-dia usadas no trabalho. Todos os anos o grupo tem muitos shows e apresentações na Polônia e no exterior, tendo experiência em diferentes eventos internacionais, festivais e projetos, cooperação que aconteceu em países como: Açores, Áustria, Bélgica, Bulgária, Eslováquia, Alemanha, Rússia, França, China, Itália, Indonésia, Letônia, Romênia, Finlândia, Croácia, Turquia, Venezuela, Dinamarca, Chipre, Ucrânia, Egito, Suécia, Sérvia e Montenegro, Portugal, Lituânia, Hungria, Estados Unidos, Espanha, Grécia e Coréia do Sul.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE



PUBLICIDADE