PUBLICIDADE

Cidade


Jornada de literatura: comitiva busca captação de recursos em Brasília

Publicada em: 09/10/2019 - 10:00

Prefeito Luciano Azevedo também cumpriu agenda nas áreas da saúde e assistência social

O prefeito Luciano Azevedo, acompanhado do vice-reitor de Extensão e Assuntos Comunitários da Universidade de Passo Fundo, Rogério Silva, e da coordenadora da Jornada Nacional de Literatura, Fabiane Verardi, esteve reunido com o ministro da Cidadania, Osmar Terra, em Brasília, na terça-feira. O encontro tratou da captação de recursos para a 17ª edição da Jornada Nacional de Literatura e a 9ª Jornadinha Nacional de Literatura, que deverão ocorrer em 2020. Foi ressaltada a importância da movimentação cultural para a formação de novos leitores e a necessidade de o governo federal autorizar a utilização, no ano que vem, dos recursos que haviam sido liberados via Ministério da Cidadania.
Cumprindo extensa agenda na Capital Federal, o prefeito tratou ainda junto ao governo federal de temas como educação, saúde e assistência social, buscando investimentos para Passo Fundo. Os secretários municipais de Gestão, Pedro Almeida, e de Captação de Recursos, Diorges Oliveira, acompanharam as audiências.


Escola modelo cívico-militar
No Ministério da Educação, Luciano solicitou que o governo avalie a possibilidade de Passo Fundo receber uma escola no modelo Cívico-Militar. O prefeito esteve reunido com o subsecretário de Políticas paras as Escolas Cívico-Militares, Aroldo Ribeiro Cursino. O Programa Nacional das Escolas Cívico-Militares (Pecim) foi lançado recentemente e, conforme o Ministério da Educação, ainda estão sendo avaliadas mais cidades que poderão receber o modelo.


Além de apresentar o potencial de Passo Fundo, o prefeito Luciano destacou a estrutura existente e apontou possíveis locais para a instalação do modelo cívico-militar. Lembrou, ainda, que há militares da reserva que poderiam se dedicar a esse trabalho. “Oferecemos todas as condições para que o governo federal examine a possibilidade de incluir Passo Fundo nesse novo modelo de escola que está sendo implantado em todo o Brasil”, ressaltou Luciano.


Assistência Social, Saúde e Pesquisa
O Ministério da Cidadania garantiu a liberação de recursos que irão manter o funcionamento de serviços de ação continuada na área de assistência social de Passo Fundo. Os repasses, que estavam em atraso, são essenciais para a manutenção de programas como o de Erradicação do Trabalho Infantil, da Juventude e de Combate à Violência contra Crianças e Adolescentes.


Ainda na tarde de terça-feira, o prefeito Luciano esteve no Ministério da Saúde para solicitar a liberação de recursos para as obras do Hospital Municipal e da Unidade de Saúde da Planaltina. Ele também se reuniu com a direção nacional da Embrapa para discutir ações na área de pesquisa e desenvolvimento de Passo Fundo.

 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE



PUBLICIDADE