PUBLICIDADE

Cidade


Mais de 100 mil veículos já pagaram IPVA na região de Passo Fundo

Publicada em: 14/02/2020 - 07:00

Mais de 100 mil veículos já pagaram IPVA na região de Passo Fundo

Dos 77,3 mil veículos tributáveis em Passo Fundo, 26 mil deles já estão com o imposto quitado

Crédito: Luiz Carlos Schneider/Arquivo ON


O pagamento antecipado do IPVA 2020 (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) está disponível aos contribuintes. Só na região coberta pela Delegacia da Receita Estadual de Passo Fundo, que engloba 83 cidades, são 274.736 mil veículos registrados somando uma arrecadação bruta de aproximadamente R$ 225 milhões. De acordo com dados da Receita Estadual, até 2 de fevereiro foram 100.199 mil veículos que quitaram integralmente o IPVA na região, o que representa uma arrecadação bruta de R$ 94 milhões. Deste valor, 50% da fica com o Estado e os outros 50% ficam com os municípios de emplacamento dos veículos.

Os contribuintes que optarem pela quitação antecipada, antes do vencimento por placas em abril, contam com descontos. Quem realizar o pagamento até o dia 28 de fevereiro poderá alcançar uma redução de até 21,6% no IPVA (considerando todos os descontos máximos). Para isso, é preciso contabilizar a redução de 2% sobre o tributo pela antecipação e somar os descontos de Bom Motorista (até 15%) e de Bom Cidadão (até 5%).

Pagamento
O pagamento do IPVA 2020 pode ser realizado diretamente nos sistemas online ou presencialmente nos bancos credenciados: Banrisul, Bradesco, Santander, Sicredi, Banco do Brasil (somente para clientes) e Agências Lotéricas da Caixa. Basta apresentar o Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV) ou apenas a placa e o Renavam do veículo.
A consulta de dados relativos aos veículos, como valores a pagar, multas e pendências podem ser acessados no site específico sobre o imposto – www.ipva.rs.gov.br –, ou no aplicativo para dispositivos móveis – IPVA RS –, disponível gratuitamente na App Store e na Google Play.

Serviço:
Quem paga? Todos os proprietários de veículos automotores fabricados a partir do ano 2.000.
Como pagar? Para quitar o imposto, o proprietário deverá apresentar o Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV). Junto com o IPVA, é possível pagar o seguro obrigatório (DPVAT), taxa de licenciamento e multas de trânsito.
Onde pagar? No Banrisul, Bradesco, Santander, Sicredi, Caixa (loterias) e Banco do Brasil (somente para clientes).


PUBLICIDADE



PUBLICIDADE