PUBLICIDADE

Política


Cartório Eleitoral inicia preparativos para 2º turno

Publicada em: 09/10/2018 - 07:00, por Larissa Paludo/ON

Órgão também presta atendimento a eleitores que não compareceram às seções eleitorais para votar no domingo (7) e precisam justificar

Cartório Eleitoral inicia preparativos para 2º turno

Servidores irão organizar materiais das eleições e preparar urnas para segundo turno

Crédito: Gerson Lopes/ON

Um dia após as eleições, o trabalho no Cartório Eleitoral agora se divide entre o rescaldo da votação e os preparativos para o 2º turno. Será feita, a partir de agora, a conferência das atas das mesas receptoras e a preparação das urnas eletrônicas para o dia 28 de outubro, quando serão escolhidos os próximos chefes do executivo Estadual e Nacional. Entre as atividades remanescentes também estão os atendimentos a eleitores que não compareceram na sua seção de votação no domingo (8) e agora devem prestar esclarecimentos com a Justiça Eleitoral.


O chefe do Cartório Eleitoral de Passo Fundo, Renato Guadagnin, esclarece que os eleitores têm 60 dias após cada pleito para comparecer ao departamento e justificar. Ou seja, quem não votou no domingo tem até o dia 6 de dezembro para fazê-lo e quem não votar no 2ª turno, e não justificar no dia, tem até o dia 27 de dezembro. As justificativas entregues após o dia da eleição estão sujeitas a julgamento das juízas titulares das zonas eleitorais. Para realizar o procedimento, o eleitor deve ir até o cartório com o requerimento de Justificativa Eleitoral preenchido, além do título de eleitor e de um documento com foto. O documento está disponível para download no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O eleitor também pode justificar online pelo sistema Justifica.


Renato Guadagnin enfatiza que os eleitores que estão com o título em situação regular, mesmo que não tenham votado no 1º turno, podem votar dia 28 de outubro. A situação do título fica irregular na Justiça após três ausências consecutivas do eleitor. No caso das eleições gerias, cada turno contabiliza uma falta.

 

Biometria se mantém no segundo turno
Apesar das longas filas de espera que se formam nas seções eleitorais em função da dificuldade de liberar a biometria, o Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Sul (TRE-RS) vai manter o sistema no segundo turno. A conformação foi feita pelo órgão nesta segunda-feira (8) pelo secretário de Tecnologia da Informação do TRE-RS, Daniel Wobeto ao jornal GaúchaZH.


Renato Guadagnin enfatiza que se isso acontecer no segundo turno, os mesários estarão melhor orientados e os eleitores já têm conhecimento da situação, então deverão ir à seção eleitoral com mais tempo disponível. Além disso, neste pleito serão apenas dois votos, o que agiliza o tempo dentro da cabine de votação.


Apesar da demora, o servidor enfatiza a importância da biometria para evitar equívocos. Neste domingo, dois eleitores foram impedidos de votar porque ocorreu um erro de digitação do mesário, de forma que, quando chegaram à seção, outras duas pessoas já haviam votado pelo número do título de eleitor destes primeiros. “Com a biometria, isso não teria acontecido. Mas foi um erro, somos todos humanos”, pontuou. A orientação do Cartório é para que os eleitores confiram o recibo de votação, a fim de evitar imprevistos. Quem, eventualmente votou pelo título eleitoral de um terceiro deve ir ao departamento para explicar a situação e evitar multa, já que em seu cadastro não consta o comparecimento.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE



PUBLICIDADE